Acisbs - Associação Empresarial de São Bento do Sul - Batizada como Associação Comercial e Industrial de São Bento do Sul (ACISBS), a entidade foi fundada por um grupo de empresários em 9 de novembro de 1957. O objetivo inicial era criar uma entidade para representar a classe econômica e promover o desenvolvimento.

Acisbs - Associação Empresarial de São Bento do Sul

Lideranças educacionais e empresariais debatem gestão escolar


Escolas com boa gestão escolar têm influência direta no desempenho e aprendizado dos alunos. Esta foi a principal mensagem do seminário Diálogos sobre Gestão da Educação, promovido pela Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC), na última sexta-feira, em São Bento do Sul. “A educação não pode esperar. O futuro das nossas crianças e jovens é hoje. O que fizermos por eles hoje, com relação à educação, vai balizar o seu futuro profissional e como bom cidadão”, afirmou o presidente da FIESC, Glauco José Côrte, na abertura do evento.

“Como estamos nos preparando para esse novo mundo do trabalho? Isso, fundamentalmente, passa pela melhoria da qualidade do sistema escolar”, indagou Côrte, observando o que está sendo feito nos melhores sistemas educacionais do mundo. “No Japão, 30% do currículo foi encolhido para aprofundar os conteúdos essenciais. Na Finlândia, o papel do professor está cada vez mais atrelado à geração de desafios que estimulem o pensamento crítico e o raciocínio lógico, e no Canadá as competências socioemocionais são desenvolvidas de forma intencional”, pontuou. 

Pesquisa da CNI aponta que os empresários brasileiros reconhecem a educação como principal fator para a competitividade. Outro dado ressaltado foi que apenas 54,3% dos alunos que iniciam o ensino fundamental concluem o ensino médio. “Temos três graves deficiências com relação ao aprendizado das disciplinas de ciências, matemática e português. Precisamos de um novo modelo de educação, mais flexível e ajustado à realidade nacional.  Os desafios são muito grandes para os alunos, gestores e professores”, alertou Côrte, acrescentando que de cada 20 brasileiros que começam o ensino fundamental no Brasil, apenas um termina o ensino médio com nível esperado nas disciplinas de matemática e português.

Mozart Ramos, consultor do Movimento Santa Catarina pela Educação e diretor de inovação do Instituto Ayrton Senna, começou sua apresentação fazendo uma relação entre a educação e o esporte. “A educação e o esporte formam um binômio muito importante para o desenvolvimento pleno das pessoas. Quando atrelamos o esporte a um projeto pedagógico da escola, competências como disciplina, pensamento crítico, esforço e dedicação, são potencializadas”, declarou.

Ramos aproveitou o momento histórico das olimpíadas no País para, em nome do Instituto Ayrton Senna, prestar uma homenagem à FIESC pelo esforço em elevar o nível de escolaridade das pessoas. Mozart fez a entrega de uma pulseira com tecnologia de realidade aumentada ao presidente e ao vice-presidente regional da Federação, Glauco José Côrte e Arnaldo Huebl. O acessório mostra um vídeo de superação do atleta Ayrton Senna e, na ocasião, representou a mensagem de superação e vitória que também deve ser buscada na área educacional. Ramos ainda contou sua experiência na época em que foi reitor da Universidade Federal de Pernambuco e a necessidade que sentiu de se capacitar para gerenciar a universidade.

O vice-presidente regional da FIESC para o Planalto Norte, Arnaldo Huebl, enfatizou a importância de se discutir o tema gestão escolar. “Se queremos um País melhor no futuro, devemos começar hoje a fazer diferença na área educacional”, declarou. Cerca de 140 profissionais da área da educação e líderes empresariais acompanharam o evento promovido pelo Movimento Santa Catarina pela Educação.

Fonte: Impulso Comunicação




Voltar
Acisbs - Associação Empresarial de São Bento do Sul - Notícias
Thats all Fokls