Acisbs - Associação Empresarial de São Bento do Sul - Batizada como Associação Comercial e Industrial de São Bento do Sul (ACISBS), a entidade foi fundada por um grupo de empresários em 9 de novembro de 1957. O objetivo inicial era criar uma entidade para representar a classe econômica e promover o desenvolvimento.

Acisbs - Associação Empresarial de São Bento do Sul

Campanha de revitalização da Serra Dona Francisca completa 1 ano


Os 365 dias da campanha que pede a revitalização da Serra Dona Francisca – SC 418 não foram de muitos resultados para as entidades engajadas na ação – Acisbs, Acirne, Aciaca e Acij. Apesar das diversas ações realizadas pelas entidades empresariais desde o lançamento, em 16 de abril de 2018, praticamente nada foi feito pelo governo estadual, apenas roçadas, o que deveria ser algo habitual e não tema de cobrança. “Nós já sabíamos que não ia ser um ano de grandes realizações por parte do governo, até porque houve a troca. Como queremos muito mais do que roçadas, sabemos que o caminho ainda será longo” contou o presidente da Acisbs, Jonathan Roger Linzmeyer.

 

A Rodovia SC 418 não recebe obras de revitalização há 17 anos e as estatísticas de acidentes no trecho só aumentam devido às condições precárias da estrada. De abril de 2015 até abril de 2019, 97 pessoas perderam a vida em 1.516 acidentes, conforme relatório da Polícia Rodoviária, no trecho que compreende a campanha, que vai do Km 0 da Serra Dona Francisca até pouco depois da entrada da Avenida dos Imigrantes, locais com maior incidência de acidentes. A falta de manutenção da via, a sinalização prejudicada e a iluminação que está desativada com o roubo dos fios, contribuem para os altos índices de acidentes. A média diária de veículos transitando pela Rodovia é 8 mil e de praticamente um acidente por dia.

 

Em fevereiro, já com novo governo, os empresários estiveram em Florianópolis e visitaram entidades reforçando as demandas da campanha. Na secretaria de Infraestrutura, eles foram recebidos pelo secretário-adjunto, coronel Pedro Stronoga. Na ocasião, Stronoga disse que prazos são prematuros, mas que a comunicação estava iniciada para o quanto antes dar a prioridade que a Rodovia merece.  Os empresários reforçaram que a pouca manutenção realizada não ameniza os acidentes e disseram que é necessário mais para garantir a segurança dos usuários, citando a importância de um projeto completo de obras.

 

Nos ofícios entregues às autoridades, as entidades listam as demandas em 10 tópicos, visando garantir a segurança dos usuários da Rodovia e o fortalecimento da economia da região. Acompanhe quais são: 1 - Pavimentação asfáltica; 2 – Sinalização; 3  - Iluminação; 4 - Trevo de acesso na Imigrantes em São Bento do Sul; 5 – Roçadas; 6 - Sinal de telefonia; 7 – Ambulâncias (é uma importante via para transporte de pacientes, quando há uma interdição, põe em risco a vida dessas pessoas); 8 - Produtos perigosos (fiscalização); 9 – Efetivo da Polícia Rodoviária; 10 - Intervenções de engenharia nos pontos críticos (km 16,7 da Serra (primeira curva, sentido Joinville) e a curva na localidade do Rio do Júlio pontos com ocorrências de acidentes gravíssimos e de fatalidades nos últimos anos.

 

Acompanhe algumas das ações do último ano:

 

16 de abril de 2018 – Lançamento da Campanha no pátio da Promosul
02 de maio – Entidades reunidas com ex-secretário de Infraestrutura, Paulo França, com vistoria da Rodovia
15 maio – Observatório Social apresenta estudo de tributações e custos de acidentes na Rodovia SC 418, trecho da Serra Dona Francisca
19 de maio – Blitz educativa no Posto da Polícia Rodoviária, em Campo Alegre, com a fiscalização preventiva de 300 veículos
24 de julho – SC 418 entra como uma das prioridades no Voz Única
20 de setembro – Entrega da cartilha Voz Única aos candidatos, destaque para a SC 418
30 de janeiro de 2019 – Reunião de alinhamento entre as entidades empresariais, em Campo Alegre
23 de fevereiro – Missão Florianópolis – formalização das demandas junto à secretaria de Infraestrutura, Fiesc, Alesc e SDS.  O ofício com as demandas também foi entregue aos deputados estaduais da região e outros representantes locais
28 de fevereiro – Presidente da Acisbs entrega reivindicações ao governador Carlos Moises, em Joinville, que recebeu o ofício também, via presidência da Alesc. “Sempre que uma autoridade visita a região ou uma entidade empresarial, reforçamos os pedidos da revitalização da Rodovia” conta Linzmeyer.

 

Estudo Observatório Social - O estudo mostra o custo dos acidentes que chega a R$ 76.661,00 por ocorrência, um valor médio tanto para acidentes com ou sem vítimas. Já o valor total estimado de tributos arrecadados no trecho da Serra Dona Francisca chega a R$ 20 milhões por ano, somando os valores em IPVA de R$ 4.512.727,00 com o total de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) arrecadados, de R$ 15.474.231,00.

 

Como foram os 365 dias desde o início da campanha da Serra Dona Francisca:

 

267 acidentes
412 veículos envolvidos
141 feridos
18 mortes
8 mil veículos por dia
17 anos sem obras de revitalização

 

*Informações de 16 de abril de 2018 a 15 de abril de 2019. Fonte: Polícia Militar Rodoviária – Posto 4




Voltar
Acisbs - Associação Empresarial de São Bento do Sul - Notícias
Thats all Fokls