Acisbs - Associação Empresarial de São Bento do Sul - Batizada como Associação Comercial e Industrial de São Bento do Sul (ACISBS), a entidade foi fundada por um grupo de empresários em 9 de novembro de 1957. O objetivo inicial era criar uma entidade para representar a classe econômica e promover o desenvolvimento.

Acisbs - Associação Empresarial de São Bento do Sul

Como prevenção, pacientes com Covid-19 são rastreados através de sistema inovador


São Bento do Sul é uma das primeiras cidades do país a utilizar plataforma de rastreamento de contatos de pacientes testados positivos para Covid-19 no período de incubação da doença. Ação em parceria com órgãos de saúde dos municípios permite que estabelecimentos e usuários sejam alertados e reforcem medidas de prevenção. A Associação Empresarial (Acisbs) apoia a iniciativa e incentiva seus associados para que façam a adesão à rede Smart Tracking.

 

A ação é da startup de Florianópolis, Smart Tour, que lançou a plataforma capaz de rastrear os movimentos de indivíduos diagnosticados com a Covid 19 durante o período de incubação da doença. O mapeamento leva em conta estabelecimentos comerciais e de prestação de serviços por onde a pessoa tenha passado por até 15 dias antecedentes ao diagnóstico. A informação serve para alertar as autoridades sanitárias e os próprios donos dos empreendimentos sobre a ocorrência, medida considerada importante para tomada de ações de prevenção. As pessoas que tenham passado pelos mesmos ambientes que o paciente testado positivo, serão avisadas.

 

A plataforma não identifica os usuários e foi desenhada de acordo com as regras da nova Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). A operação se dá em parceria com estabelecimentos comerciais e órgãos de saúde dos municípios.

 

O funcionamento é simples e sem custos aos locais participantes. Os estabelecimentos comerciais se cadastram na plataforma e recebem para impressão um QR Code, que fica à vista dos clientes. Basta fazer um rápido cadastro e o cliente passa a integrar o banco de dados, sem a necessidade de baixar aplicativos. E sempre que ele for a um novo estabelecimento, lê o QR Code do local, como uma espécie de check-in. A solução também pode ser usada por Igrejas, supermercados, academias de ginástica, shoppings, parques, condomínios, hotéis etc.

 

Quando alguém cadastrado na plataforma é diagnosticado com a Covid 19, os órgãos de saúde dos municípios conseguem acessar o banco de dados com login e senha e identificar todos os estabelecimentos por onde essa pessoa passou nos 15 dias anteriores ao diagnóstico. Então é enviado um aviso para que o proprietário tome as medidas necessárias para proteger o local e a equipe, servindo como mais uma barreira na proliferação da doença. Os demais clientes que estavam durante o mesmo período também serão avisados, mas o local específico do contato não será identificado. O banco de dados é universal, ou seja, não é restrito ao município usuário, o rastreamento pode ser feito em todo o Brasil de acordo com os locais frequentados pela pessoa testada positiva.

 

"Um dos objetivos do Smart Tracking é que as pessoas se sintam mais seguras e protegidas nesse retorno às atividades. Sabemos que um dos maiores problemas do setor de saúde é identificar os contatos durante o período de incubação da doença, pois a pessoa não tem qualquer sintoma. Para haver sucesso nessa iniciativa todos devem trabalhar em conjunto, como uma rede de cooperação e com isso gerar o máximo de segurança à população local neste momento tão delicado pelo qual passamos", enfatiza Jucelha Carvalho, CEO da Smart Tour.

 

No Brasil, a plataforma também compreende as cidades catarinenses de Florianópolis, São Bento do Sul, Itapiranga, além de Gramado (RS).  Será disponibilizada sem qualquer custo para todos os estados brasileiros nas cidades epicentros da doença. Na Europa começará pela cidade de Aveiro, em Portugal, onde a startup tem sede atualmente na IEMA - Incubadora de Empresas do Município de Aveiro.

 

Em Florianópolis a startup está pleiteando o apoio das instituições representativas dos setores comerciais para cadastrar o máximo de estabelecimentos na cidade. Os locais interessados podem acessar o link https://smarttourbrasil.com.br/smart-tracking para realizar o cadastro e imprimir o seu QR code.

 

Smart Tour - é uma plataforma que atua com geração e inteligência de dados ao setor turístico com uso de Internet das Coisas (IoT). A startup é vencedora do Prêmio Nacional de Turismo 2019 na categoria Tecnologia no Turismo, já passou por programas de desenvolvimento e capacitação como a pré-incubadora Cocreation Lab, Sinapse da Inovação, StartupSC, e InovAtiva Brasil. Atualmente participa da IEMA - Incubadora de Empresas do município de Aveiro, do NEST- Centro de Inovação em Turismo, de Portugal e representa o Brasil no Challenge 5G do Aveiro Tech City.

"Existem situações que nos fazem repensar projetos, mudando o foco de um setor específico para o coletivo. A pandemia serviu como gatilho para esta transformação", esclarece Luiz Salomão Ribas Gomez, professor de Design da UFSC e fundador do Cocreation Lab, pré incubadora que ajudou no processo de validação da Smart Tour.

 

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo de São Bento do Sul apóia a iniciativa e segundo a diretora de turismo e turismóloga Luiza da Silva, " estamos nos preparando para a retomada do setor turístico, o primeiro e mais afetado com essa pandemia e para isso precisamos usar de recursos tecnológicos à favor dos nossos turistas, que automaticamente se aplicam à segurança da nossa população. As pessoas precisam se sentir seguras novamente para sair de suas casas e visitar outros lugares, queremos que São Bento do Sul transmita essa segurança e receba, tanto aqui, como nas demais cidades dos Destinos do Quiriri pessoas que queiram vivenciar experiências inesquecíveis e inovadoras", disse.

 

Já na área da saúde, sobre a utilização da ferramenta, o secretário de Saúde do Município, Dr. Manuel Rodriguez Del Olmo, comentou sobre o assunto: "eu acho que é de uma importância muito grande, principalmente se isso pudesse ser alastrado para todas as nações onde ocorrem casos de covid-19. Certamente esta ferramenta poderá ser utilizada futuramente também para outras enfermidades que possam vir a ocorrer".

 

O secretário ainda destacou o fato de São Bento do Sul ser uma das primeiras cidades no país a utilizar a ferramenta: "acho extremamente útil que isso venha e ficamos orgulhosos de que poucas cidades no mundo estejam começando com isso e de que no Brasil entre as poucas cidades escolhidas esteja São Bento do Sul, que está juntamente com Florianópolis, Itapiranga e no Rio Grande do Sul, Gramado, e ainda uma cidade na Europa, Aveiro em Portugal. Isso nos orgulha muito", disse o secretário de Saúde.

 

 




Voltar
Acisbs - Associação Empresarial de São Bento do Sul - Notícias
Thats all Fokls